Facebook Twitter YouTube RSS

NOTÍCIAS

Data: 11/11/2013 13:00:00  -  Atualizado em: 11/11/2013 12:26:56
Felipe Massa será piloto da Williams na próxima temporada
Equipe inglesa anunciou a contratação do piloto brasileiro para correr ao lado de Valtteri Bottas em 2014
por: Julianne Cerasoli
Links de Twitter e Facebook pelo Sharethis


Crédito da foto: James Moy

Felipe Massa foi confirmado como piloto da Williams. O brasileiro será companheiro do finlandês Valtteri Bottas, também garantido pelo time para fazer sua segunda temporada completa em Grove em 2014. O contrato de ambos os pilotos é "multianual", de acordo com a própria Williams.

Assim, Massa será o sexto brasileiro a defender a equipe, que foi campeã mundial de 1987 com Nelson Piquet. O brasileiro se disse feliz por trocar um time tradicional, como a Ferrari, por outro, e relembrou a tradição brasileira na Williams.

“A Williams é uma das equipes mais importantes de todos os tempos. Quando era criança, sonhava em correr pela Williams, Ferrari ou McLaren e estou contente por assinar com outra equipe ícone do esporte depois da minha época em Maranello. É bom lembrar também que outros grandes pilotos brasileiros correram pela Williams e sedimentaram o elo entre o país e a equipe”, lembrou o piloto, que salientou o papel de sua experiência após 12 campeonatos na Fórmula 1.

“Com tantas mudanças no regulamento de 2014, espero que minha experiência seja útil para a equipe evoluir após um período difícil. Desde que comecei a correr, não lembro de ter visto uma mudança tão grande no regulamento e estou totalmente preparado para trabalhar com o pessoal de Grove para encontrar o caminho certo. Estou muito motivado e vou começar já trabalhando duro em um novo desafio na minha carreira.”

LEIA MAIS: Por que a Williams é uma boa aposta para Massa

LEIA MAIS: Uma escolha que fortalece ambas as partes

O dono da equipe, Frank Williams, deu as boas-vindas ao piloto. “Felipe é um talento excepcional e um lutador de verdade dentro da pista; ele também traz muita experiência para o início de um novo capítulo em nossa história.”

A chefe substituta da equipe, Claire Williams, acredita que Massa pode motivar a equipe a voltar a vencer campeonatos. O último título do time foi em 1997, com Jacques Villeneuve. “Felipe demonstrou seu talento e velocidade ao longo dos anos, assim como sua habilidade em motivar o time para buscar campeonatos e estamos muito contentes que ele esteja embarcando conosco em nossa jornada de 2014.”

TRAJETÓRIA

A Williams será, portanto, a terceira equipe de Massa na Fórmula 1. O brasileiro estreou pela Sauber em 2002, mas cometeu muitos erros e acabou não se firmando como titular para a temporada seguinte, em que atuou como piloto de testes da Ferrari, que tem relação próxima com o time suíço. Em 2004 e 2005, mais experiente, Massa voltou ao posto de titular da Sauber, tendo como melhores resultados dois quartos lugares, no GP da Bélgica de 2004 e no GP do Canadá do ano seguinte.

Em 2006, substituiu Rubens Barrichello na Ferrari, correndo ao lado de Michael Schumacher. Em oito anos como titular da Scuderia, o brasileiro conquistou 11 vitórias e 36 pódios, chegando ao vice-campeonato em 2008 e ao terceiro lugar em 2006. Seu momento mais marcante foi o GP do Brasil de 2008, quando chegou a pensar que tinha feito o suficiente para ser campeão ao vencer a prova caseira de ponta a ponta, mas viu o rival Lewis Hamilton chegar ao quinto posto, que lhe garantiu o título, a poucos metros da linha de chegada. A conquista de Interlagos, onde também venceu em 2006, seria sua última vitória pela Ferrari.

Em 2009, a Ferrari caiu de produção e Massa sofreu um grave acidente na classificação para o GP da Hungria, que o deixou de fora das oito etapas seguintes até o final da temporada. Mesmo fora das pistas, Massa foi mantido para o ano seguinte, ao passo que Kimi Raikkonen foi demitido para dar lugar a Fernando Alonso.

Desde então, no entanto, o brasileiro caiu de produção, ficando à sombra do companheiro. Seu ponto mais baixo foi o GP da Alemanha de 2010, quando cedeu uma vitória ao espanhol por determinação da equipe. De lá para cá, foi apenas sexto colocado nos campeonatos de 2010 e 2011 e sétimo ano passado. Atualmente, é oitavo na tabela, mas vem demonstrando performances melhores, especialmente em classificação, desde que sua saída de Maranello foi anunciada, em setembro.


Compartilhe
Links de Twitter e Facebook pelo Sharethis

publicidade

publicidade

Colunistas

Blogs

  • Blog do Ico
    Blog do Ico
    A nova velha Ferrari
  • Juliane Cerasoli
    Juliane Cerasoli
    Um risco válido
  • Moto Velocidade
    Moto Velocidade
    Quem mais caiu na MotoGP em 2014?
  • Redação
    Redação
    GP de Macau é marcado por acidente impressionante; assista
  • Bruno Vicaria
    Bruno Vicaria
    #mergulha #logo #na #internet, @Fórmula1 #!!!
publicidade