Valor do Piso Salarial passa por nova revisão

Houve um aumento no seguro desemprego, pois em virtude do novo salário mínimo que passa a ser de R$1009,00 reais, tanto o Piso Salarial como o teto salarial sofrem aumento.

O mínimo que se recebe por parcela do seguro desemprego é equivalente ao salário mínimo 2019, já o valor do seguro desemprego máximo passa a ser R$1.163,76, cerca de 14% de aumento. O valor do salário mínimo entrou em vigor agora em janeiro será então o FAT- Fundo de Amparo ao trabalhador, passa a considerar o novo valor do mínimo para calcular seguro.

Cálculo do seguro desemprego

Para os trabalhadores que recebem acima de 2 salário mínimo reais a parcela do seguro é 80% do valor do salário, para calcular o seguro o trabalhador deve multiplicar o salário por 0,8, assim:

O Zé, nosso trabalhador fictício, ganha R$1009,00 reais registrados em carteira de trabalho, ele foi demitido sem justa causa então é feito primeiramente uma média do salário do Zé nos últimos três meses, digamos que a média de 700 reais, então é só multiplicar os 1009 * 0,8, ou seja, 640,00 reais, porém o valor seguro desemprego ficou abaixo do salário mínimo nacional, então o Zé vai receber R$1009,00 reais nas parcelas do seguro desemprego.

Em outra simulação considerando os trabalhadores que ganham entre R$899,66 e R$1499,58 reais, o cálculo do seguro desemprego musa um pouco, primeiro você considera (Salário – R$899,66)*0,5) e soma 719,12 vamos fazer a simulação da consulta do Saldo FGTS para entender isso.

O Zé, agora, ganha R$1400,00 reais e perdeu o emprego, então primeiro eu faço a seguinte conta (R$1400,00 – 899,66) o resultado é R$500,34 reais então eu calculo R$500,34 * 0,5 = 250,17 e somo R$719,12 que dá um seguro desemprego de R$969,29 reais.

E a última simulação é para quem recebe entre R$1499,58, para estes trabalhadores não necessita fazer o cálculo seguro desemprego, pois, sempre será o teto salarial de R$1.163,76.

O novo valor do PASEP 2020 foi um presente do Presidente Jair Bolsonaro para aquecer a economia nacional neste começo de semestre, agora o salário mínimo passa a variar conforme a inflação do ano anterior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *